Doctor Who dublado: por que não?

Como todo mundo já tá sabendo, Doctor Who começará a ser exibido na TV Cultura em 19 de março. Listamos aqui os 5 motivos pra você achar essa uma belíssima ideia, e segundo o FAQ oficial do canal, os episódios serão exibidos na versão dublada. Até aí, tudo lindo, né? Mas parece que, para alguns fãs, nem tanto.

A polêmica da dublagem em Doctor Who já tomou proporções tão exageradas que eu me pergunto se esse é o mesmo fandom que, meses atrás, tinha orgulho de ser unido e mente aberta. Em recente enquete feita no Facebook pela própria TV Cultura, eles perguntaram “Como você prefere assistir Doctor Who na TV Cultura?“. A grande maioria (mais de 470 votos) escolheu “Na TV, com áudio original“. Pouco mais de 30 votaram “Na TV, dublado“.

Eu acho que os fãs brasileiros ainda não pararam pra pensar, de verdade. Em primeiro lugar, vamos lembrar do fato de que, apesar da série ser “hipster” aqui pra nós, na Inglaterra ela tem a mesma popularidade que Zorra Total. Podem reclamar, mas é verdade. É um programa absolutamente popular e voltado para todos os públicos e em língua nativa, que é pra todo mundo entender.

Ora, o grande trunfo da série ser exibida no Brasil é tentar promover essa mesmíssima popularidade em terras tupiniquins. Nós, brasileiros, vivemos em um país com índices altíssimos de analfabetização, inclusive funcional. Até gente que SABE ler tem preguiça de assistir coisa com legenda. Se até os programas da TV a cabo estão sendo dublados, por que na TV Cultura a série tem que ser legendada? Vocês querem DVDs, camisetas e produtos de Doctor Who com preço acessível e estão votando MESMO nessa opção? Não faz sentido.

Essa é a mesma TV Cultura que fez essa geração gostar de programas como O Mundo de Beakman, Doug, As Aventuras de TinTim e tantos outros clássicos. Tudo dublado. E eu não lembro de ninguém reclamar que o Beakman era menos cientista por estar sendo dublado – já vi gente inclusive dizendo que em inglês não tem a mesma graça.

O intuito da série passar na TV aberta é popularizar o seriado no Brasil. Que tal pensar nas pessoas que ainda não conhecem as maravilhas do nosso timelord favorito, e não teriam como conhecer se não passasse na TV?

Finalizo lembrando que os fãs antigos têm em casa a opção de assistir legendado, seja com os DVDs comprados no exterior, seja com os downloads na internet. Pedir para que a TV Cultura exiba a série com áudio original e legendada é nada mais do que uma atitude elitista, o que eu nunca esperei desse fandom, que sempre se posicionou com cabeça aberta pra esse tipo de questão. O Doutor teria vergonha de vocês.

Thais Aux

Thais Aux é jornalista, tradutora, social media e sonhadora. Começou a ver a série em 2011. Doutor favorito: Capaldão. Companion favorita: Rose Tyler. Vilão favorito: Daleks!

90 comentários em “Doctor Who dublado: por que não?

  • 25/02/2012 em 9:48 AM
    Permalink

    Concordo contigo, Thais. Eu sou um dos que não consigo assistir coisas dubladas, pois acho que perde muito da qualidade. Mas temos que pensar que é um programa que irá passar em tv aberta, é impossível eles fazerem legendado. Quem de nós, whovians, quiserem assistir lá na cultura, é só colocar para ver com o som original. Gostei da notícia da Tv Cultura transmitir Doctor Who, e espero que a série se torne mais popular por aqui.

    Bjos,
    Restaurante da Mente

    Resposta
  • 25/02/2012 em 9:57 AM
    Permalink

    Não temos dubladores preparados o sufuciente.
    Vai ser perda de tempo assitir.
    Espero que não criem uma falsa imagem de Dr. Who aqui no Brasil.

    Resposta
    • 25/02/2012 em 2:34 PM
      Permalink

      A dublagem Brasileira é reconhecida mundialmente pela qualidade. Informe-se um pouco!

      Resposta
      • 26/02/2012 em 10:03 PM
        Permalink

        Mas a qualidade passou longe dessa dublagem, ainda se estivesse bem feito tudo bem, mais esta parecendo dublagem feita em Miami.

        Resposta
        • 28/02/2012 em 7:39 PM
          Permalink

          A dublagem foi feita em um estúdio de SP, por encaminhamento da BBC à TV Cultura.

          Resposta
      • 27/02/2012 em 12:34 AM
        Permalink

        pode ser, Paula, mas a dublagem que mostraram no Preview tava horrível.

        Eu não sou contra a dublagem, mas tem que ser de qualidade. não é por que alguém (o resto do mundo) que nem portugues fala diz que é bom que eu vou aceitar.

        Resposta
      • 27/02/2012 em 9:29 AM
        Permalink

        Qualidade?! A maioria dos filmes perde totalmente a graça com a dublagem! Sem falar que o sotaque britânico da um pouco da graça da série! Nunca viu Escola Para Garotas Bonitas e Piradas? Um filme britânico? A dublagem ficou muito sem graça… Tanto que no 2º filme, Tennnant era o vilão e falava com seu sotaque Escocês, o que não dá para perceber na versão dublada.

        Resposta
    • 18/05/2012 em 3:40 PM
      Permalink

      Olha eu sou uma das 1.000 pessoas que nao consegue ler legenda se quiserem assistir em som original e bota um unico dedo no seu controle e aperta para ingles por que eu nunca fui mto fa de filmes cientificos em ingles sabe poir que?
      Por que é horrivel ter que prestar mais atençao na legenda do que no filme eles falam rapidos e tem gente que nao consegue ler depressa entao quem quer assistir com legenda é so por o dedo no controle faloooo????? entao ai sim é so assistir em ingles
      OK?

      Resposta
  • 25/02/2012 em 10:18 AM
    Permalink

    Concordo. Nós, fãs, estranhamos a dublagem porque jah conhecemos os áudio original. Não gosta? Tecla SAP amigo! Tudo o que eu consigo sentir é alegria de saber que a minha querida série vai ser transmitida aqui e torço muito para que se torne mais popular. Chega de mimimi com essa questão da dublagem.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 10:20 AM
    Permalink

    Eu estou tão feliz pela estreia da série aqui no Brasil que não me preocupei um segundo sequer com essa história de dublagem… Vai ser estranho? Vai, admito. Mas é questão de costume…
    Há tantas coisas maiores para se preocupar do que com uma dublagem. Fala sério. Estamos contando com o ibope do fandom para a série continuar. Não quero que saia pq o povo está desgostoso com questãozinha besta.
    Genteeeeeee!!!! É DOCTOR! Seja como for … 🙂

    Resposta
  • 25/02/2012 em 10:38 AM
    Permalink

    Eu estou extremamente feliz de poder ver o Doctor Who aqui no Brasil e sendo dublado com a possibilidade de clicar a tecla SAP, eu fico sem qualquer reclamação. A TV Cultura já fez um pusta serviço a todos quando conseguiu os direitos de transmissão da série. Entretanto, há um porém que eu gostaria de ressaltar. Se tantos fãs querem ver a série com audio original, porque não passar o mesmo episódio em horário alternativo com o audio original e legendas? Eu sei que as vezes é pedir demais, mas seria uma saída que poderia agradar a todos, isso porque sequer sabemos o horário que o episódio irá ao ar.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 11:01 AM
    Permalink

    Não poderia concordar mais contigo. Doctor Who é uma série tão boa que seria egoismo nosso impedir que outras pessoas a vejam por questão de dublagem. Confesso que não irei assistir, tenho todos os episódios no PC, mas mesmo assim a série só trará coisas boas para o Brasil, dublada ou não. O que todos querem, ou pelo menos deveriam querer, é que a série se popularize por aqui, para termos acessos aos produtos que tanto sonhamos.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 11:45 AM
    Permalink

    This. Eu posso até preferir o áudio original, mas não suporto esse PRECONCEITO com a dublagem.

    Resposta
    • 11/07/2014 em 2:16 PM
      Permalink

      Digo o mesmo SAMMY,ainda mais porque se nao fosse o preconceito desses idiotas,que nao sabem apreciar algo q foi dublado para melhor se adaptar ao nosso paiz,concordo com voce.

      Resposta
  • 25/02/2012 em 11:47 AM
    Permalink

    Não sou contra dublagem, sou contra dublagem ruim.

    Pela prévia que tive achei que os dubladores têm vozes que “combinam” com os personagens, mas achei a entonação sem profundidade nenhuma.

    Concordo com seu ponto de que um programa dublado tem mais chance de agradar mais gente, mas se a dublagem for uma porcaria pode ser um tiro no pé.

    Resposta
    • 26/02/2012 em 5:38 PM
      Permalink

      Concordo com vc!!! Eu não consigo assistir Merlin dublado na HBO, pq a dublagem ficou ruim, mas também acho que, se a intenção é de consiga novos telespectadores, por eles não conhecerem, nem vão ligar. E quem sabe, nas próximas temporadas a dublagem esteja melhor.

      Resposta
  • 25/02/2012 em 11:49 AM
    Permalink

    Agora todo mundo apoia a dublagem né UHEAU esse pessoal NÃO SABE mesmo o que é pedir pra passar legendado, não querem que faça sucesso aqui no Brasil mesmo… uma pena ver o pessoal falar sem pensar

    Resposta
    • 25/02/2012 em 2:36 PM
      Permalink

      TV Cultura é um Canal BRASILEIRO da TV ABERTA, então me diz: por que passar legendado?

      Resposta
  • 25/02/2012 em 11:51 AM
    Permalink

    Pergunta nadavê com o tema do post: que horas que vai passar?¿ ( sediz em algum lugar me passei :~)

    Resposta
    • 25/02/2012 em 11:52 AM
      Permalink

      Ainda não sabemos o horário de exibição e nem se vai ser só um dia na semana ou de segunda a sexta =)

      Resposta
    • 25/02/2012 em 5:51 PM
      Permalink

      “Essa é a mesma TV Cultura que fez essa geração gostar de programas como O Mundo de Beakman, Doug, As Aventuras de TinTim e tantos outros clássicos. Tudo dublado.”
      ESSE TRECHO SINTETIZA EXATAMENTE O QUE EU PENSO.
      E duvido que quem goste de Chaves, por exemplo, consiga assistir numa boa em espanhol ou com outra dublagem em português.
      Se Doctor Who fosse uma série totalmente inédita e começasse a passar já dublada, duvido que teria todo esse rebuliço sobre o áudio.

      Resposta
      • 26/02/2012 em 7:32 PM
        Permalink

        vish… respondi no lugar errado. 😛

        Resposta
  • 25/02/2012 em 12:07 PM
    Permalink

    Acho muito legal que a série seja exibida na Tv Cultura, mas também acho que todos devem ter seu direito de escolha respeitado. Se você quer ver com o SAP ligado, problema seu. Se quer ver dublado, problema seu também. Pessoalmente falando, não gostei dessa dublagem. Achei a voz do Nove escrota (com o perdão da palavra) demais pra querer ver dublado, e quero ser respeitado por ter essa opinião. A discussão é um tanto desnecessária, já que o material já veio dublado, segundo a cultura. Mas Doctor Who é bom até em aramaico. Devíamos, como o fandom que somos, estar pulando de alegria. Somos um dos fandons mais unidos, sendo que a série vai começar a passar em março aqui. Com o SAP ligado ou não, devemos lembrar dessa força!!

    Resposta
  • 25/02/2012 em 12:47 PM
    Permalink

    Concordo plenamente que a série deve ser dublado, é claro que para quem já assisti a série com áudio original vai ser difícil acostumar com a dublagem, mas só assim ela pode atingir um publico maior e consequentemente se tornar um sucesso por aqui também. Acho que deveríamos comemorar também a questão da série estar indo para a TV Cultura (espero não parecer preconceituoso) mas na TV Cultura ela tem mais chances de atingir o público certo, e acredito que nós (fãs) ficaríamos satisfeito se Doctor Who puder marcar uma geração assim como Anos Incríveis, As Aventuras de TinTim ou castelo Ra-tim-Bum fizeram.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 1:27 PM
    Permalink

    Eu as vezes me pergunto o que é dublagem ruim? Os caras são profissionais, em estudio, independende de quem seja, é tido uma questao de costume. O dublador do Bruce Willis, por exemplo. Sempre foi o mesmo, ate que teve que mudar. O novo é ruim? Nao, a gente só nao ta acostumado. Ah, mas traduzir doctor por doutor é horrivel. Gente, quantas pessoas sabiam desde o livro 1 que grifinoria era griffindor? E era feio? Pelo amor, vamos parar de ser preconceituoso e elitista? Ja vi mta gente que fica enchendo o saco pq num sai legenda reclamar por ser dublado. Vcs aceitam legendas bizonhas, com traduçoes erradas, e num aceitam dublagem profissional? Pensem nisso.
    Eu, como falante de ingles, vou assistir dublado.

    Resposta
    • 25/02/2012 em 2:03 PM
      Permalink

      Disse tudo minha amiga, muito bom parabéns

      Resposta
    • 28/05/2012 em 10:30 AM
      Permalink

      Vdd ! Eu leio DOCTOR e prontooo !!! Sabe eu sou fanatica por Doctor Who nao consigo ficar sem assistir claro as que eu nao assisti e quando nao tem ( No sabado e domingo ) Eu vou na net mais quando tem na cultura Eu assisto As 20:15 No começo eu achei estranho quando ele se regenero ( Eu comecei assistir em abril no dia que passava aquele dos zumbis com mascaras que diziam ” Voce é minha mamae? ” sEGUindo o menininho que passou isso pros outros depois na neet baixei desdo começo . depos da regenraçao nao perdi um dia se queer !!! Eu ja virei fanaticáá msm ! Acustumei com a Rose (A Billie *–*) Fiquei “P” Da vida por causa disso ai depois apareceu a Martha eu achei orrivel ai depois que fiquei sabendo da 6 temporada ele ia se regenera pela 3 vez fiquei “p ” Da vida mesmo !!!! Eu acho que ele é lindooo mt fofo e a voz de dublagem é otima melhora mt mt gente para com esse preconceito poxa ! que isso parem de criticar e assistam do modo que tem de ser se querem legendado baixem é simples

      Resposta
  • 25/02/2012 em 2:23 PM
    Permalink

    Olha, admito que votei em áudio original, mas isso porque eu sabia que eles iam passar dublado de qualquer jeito. Pelo menos até agora eu não vi nenhum seriado na TV Cultura ou TV aberta que seja dublada. No Brasil, infelizmente não é todo mundo que consegue acompanhar legendas, sou a única da minha casa que prefere legendas em vez de dublagens, por exemplo. É mais viável botar o seriado dublado, pra ter melhor repercussão, até porque tem a tecla SAP e a gente pode assistir pelo computador 🙂 E também eu considero TV Cultura tanto quanto Doctor Who como infantil, a criançada não sabe ler legenda. No fim todo mundo sai ganhando. ^_^

    Resposta
  • 25/02/2012 em 2:46 PM
    Permalink

    Acho que você foi meio forte falando na parte do “o que eu nunca esperei desse fandom, que sempre se posicionou com cabeça aberta pra esse tipo de questão. O Doctor teria vergonha de vocês.”. Mas enfim; eu adoro dublagem. Adoro mesmo. Quando a dublagem é boa, melhora e muito a qualidade do programa na minha opinião. Ja fui em palestras de dubladores famosos e tudo mais, adoro este trabalho.

    prefiro, na tv brasileira, dublado. sempre.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 2:52 PM
    Permalink

    Duvido que Doctor Who faça SUCESSO na TV com essa dublagem horrível. Primeiro, porque, tecnicamente, a primeira temporada já não era nenhum primor. Segundo, porque essa dublagem piorou muito a qualidade da série. Parece coisa dos anos 1980.

    Desenho é muito diferente de live-action, pois envelhece com menor facilidade. Há casos que nem se percebe a diferença entre uma animação de hoje, de uma feita há dez anos atrás, por exemplo, principalmente, se for para a TV. E eu também nunca ouvi falar desse famosíssimo O Mundo de Beakman.

    Alguns argumentam que, em sua época, tudo era dublado e fazia sucesso. Até parece que tinham opção. Sejamos francos, por melhor que a série seja, que criança trocaria um PS3 por isso?? Pode ter a popularidade que for na Inglaterra, mas aqui são outros 500, não só por sermos diferentes, mas por produções nacionais sempre se sobressaírem. E isso não é só aqui, é em todo mundo. Por exemplo, a audiência do Zorra Total deve ser 3x a população da Grã-Bretanha, significa que o mesmo fará sucesso lá ou que é melhor que Doctor Who, que, certeza absoluta, não irá passar dos 3 pontos no ibope?

    Vamos e viemos, nenhum fã vai assistir Doctor Who dublado, sem, pelo menos, fazer muito, mais muito esforço. A Cultura, então, já perde uma grande parcela do público. Além disso, acho que criança remelenta não vai ter dinheiro pra comprar action figures, etc. Sendo que Doctor não é transmitida numa TV por assinatura, nada mais justo que, na TV aberta, ser legendada.

    Sobre o analfabetismo brasileiro, isso não significa nada. Até mesmo em países europeus, quase nem existe filmes legendados no cinema. Pra mim, elitismo é abrir mão da qualidade da metade de uma obra (o áudio!) só porque, supostamente, é a única maneira de fazer sucesso nesse país de analfabetos, enquanto eu compro dvds importados e faço downloads.

    Gostar de ver legendado ou dublado não é questão de classe social, é costume. Talvez seja preciso que uma emissora da TV aberta ouse e, com a nossa ajuda (dos fã de DW que irão divulgá-la para os quatro cantos!), faça a série ACONTECER. Sinceramente, eu não tenho fôlego pra fazer propaganda de algo com uma dublagem porca como essa, ainda mais pra pessoas que, com toda a razão, não irão querer parar de assistir BBBs e afins.

    Doctor Who não tem muitos produtos no Brasil não por ser complexa, hipster ou ter poucos fãs, mas por não estar no grande circuíto, o que a faz chegar um pouco atrasada aqui. Uma questão comercial. Alguém, por acaso, acha que os produtos de séries como Lost só são distribuídos aqui graças aos fãs que a acompanham dubladas?

    Resposta
    • 25/02/2012 em 3:31 PM
      Permalink

      A razão pela qual não existem filmes legendados no cinema europeu é porque eles não estão acostumados com legendas e preferem tudo dublado 😉

      Resposta
    • 25/02/2012 em 4:47 PM
      Permalink

      “E eu também nunca ouvi falar desse famosíssimo O Mundo de Beakman.” – Sugiro que você assista. Conheço um grande número mde pessoas envolvidas com pesquisas científicas sérias que se apaixonaram por ciência assistindo o programa. Aproveite que ainda passa dublado na Cultura.

      “Além disso, acho que criança remelenta não vai ter dinheiro pra comprar action figures, etc. Sendo que Doctor não é transmitida numa TV por assinatura, nada mais justo que, na TV aberta, ser legendada.”

      Você percebeu que não fez sentido algum aqui? Se é TV aberta para mim é óbvio que tem ue ser dublado! E crianças remelentas que assistem coisas boas, podem se tornar os futuros doutores (no sentido de estudo mesmo) no futuro!

      “Gostar de ver legendado ou dublado não é questão de classe social, é costume.”

      Eu cito aqui as pessoas com dislexia, problemas graves de visão e idosos, que não podem assistir legendado justamente devido a estas condições. Novamente TV aberta Brasileira, eles tem o direito de ter de maneira mais acessível os programas.

      Resposta
  • 25/02/2012 em 5:19 PM
    Permalink

    Eu votei no áudio original, porque essa opção pra mim era igual a tecla SAP. Se eu estiver sozinha em casa e for assistir, vou colocar no SAP. em nenhum momento eles deram a opção legendário, já que conhecer dublado da BBC. quanto ao fato de ser dublado ou legendado, tem uma LEI no Brasil que regulamenta conteúdo estrangeiro na tv aberta. E não deve ser esquecido que a Tv Cultura é uma Tv pública.
    Mas dublado, legendado, em japonês, eu tô recomendando pra minha família toda pra assistir e fico feliz que a cultura tomou essa iniciativa. Ok, não vai ser um sucesso no ibope, mas a cultura é um dos únicos canais no Brasil que pode se dar ao luxo de não precisar de audiência para passar ou não um programa, exatamente por ser do governo.
    Mas sem raiva com quem votou na enquete áudio original, até porque não é que não vamos assistir, e sim que vamos apertar o SAP.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 6:51 PM
    Permalink

    Eu votei no áudio original. Por parte, concordo com o que você, Thais, disse, sobre a dublagem brasileira e como o povo desmerece ela. Mas, na minha opinião, a cultura, mesmo sendo uma rede aberta de televisão, não é um canal “popular”, assim por dizer. Na cultura passam muitos programas diferentes, filmes e documentários. Os programas citados por você, dublados, , como Doug e Tintim, são populares, mas a emissora também exibe filmes legendados, alguns, considerados “cults”, que não são assistidos por boa parte do público da tv aberta. Acho radical dizer que é uma atitude “elitista” pedir pra rede exibir no áudio original, porque, como já disse, vários programas passam legendados, não só filmes. Nada contra a popularização, aliás, essa coisa de hipster, no meu ponto de vista, é meio ridículo, como você mencionou, o fato do seriado ser muito popular na Inglaterra, mas eu acredito que, exibir com o áudio original nada ia prejudicar o canal, já que, os “analfabetos”, citados no seu texto, pouco provavelmente assistirão o seriado, dependendo do horário em que for exibido, NÃO por ser hipster, ou por achar que eles não podem gostar do seriado – como muita gente pensa – mas sim, porque, a audiência é muito concorrida, e existem programas que eles preferem assistir, ao invés de Doctor Who, INFELIZMENTE. Seria uma boa que o seriado realmente se popularizasse, mas comparar com Zorra Total eu já acho um equívoco. Pode ser que seus índices de audiência sejam compatíveis, mas o cenário dos países são diferentes. Acredito que, se existisse uma opção, como nos canais pagos, de exibir legendado ou dublado, seria melhor, como uma amiga minha disse. Mas eu não acho que, SE Doctor Who fosse legendado, seria uma perda total. Até porque, nem todos os fãs tem dinheiro para comprar as box’s; eu, por exemplo, não tenho. Não sou contra a dublagem, mas eu só acho que, o fato de boa parte do fandom ter votado para ter o áudio original não foi uma atitude preconceituosa, com exceção dos comentários sobre a dublagem ruim, claro. Me soou ofensivo ler “o Doctor teria vergonha de vocês”, porque, não acho errado alguém expressar sua opinião, desde que não ofenda os outros, como alguns fãs falam mal da dublagem brasileira, sem mesmo conhecer o trabalho – não só fãs de Doctor Who, é claro.
    Por fim, bom o seu texto, mas por favor, não generalize, nem todos os fãs de Doctor Who são uma vergonha por preferir e votar no seriado com o áudio original, tendo em vista todos os fatores que citei.
    Grata,

    Victoria.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 7:57 PM
    Permalink

    Couldn’t care any less about this shit!
    Sim, não gosto de dublagens e não mudo minha opinião.
    Se a série vai ser dublada ou não na TV cultura, eu não estou nem aí.
    SE eu assistir alguma coisa na cultura, vai ser usando a opção SAP, porém continuo preferindo assistir pelos meus DVDs, e continuo achando que a dublagem ficou uma bosta.
    Agora, querer impor que todos os fãs da série achem legal uma dublagem que tira a originalidade do roteiro, é babaquice. A pergunta da enquete foi “Como você prefere” e foi exatamente o que respondi, juntamente com quase 600 outras pessoas. Apenas fomos sinceros na nossa preferência.
    E se eu não reclamava de Beakman dublado, é porque na época e idade que eu tinha eu nem imaginava que a série não fosse brasileira. Hoje eu preferiria assistir Beakman com o áudio original.

    Resposta
  • 25/02/2012 em 8:10 PM
    Permalink

    Concordo com a Thaís, acho que isso de ser dublado é bem irrelevante, já que se você parar para pensar que a probabilidade de alguma vez a gente assistir DW em TV aberta no Brasil era considerada quase nula até uns meses atrás.
    O Mundo de Beakman tem aquela dublagem assustadora dos anos 90 e tudo mundo adora de qualquer forma, e como falaram aí em cima, é só uma questão de todo mundo ser acostumado ao áudio original e ponto.
    Vou assistir sem SAP, minha felicidade em ver o Eccly e ouvir Murray Gold na TV já tá de bom tamanho!

    Resposta
  • 25/02/2012 em 11:13 PM
    Permalink

    É óbvio que a série seria apresentada em formato dublado.
    Há leis no Brasil que regem essa questão. É bem simples: as coisas
    têm que ser dubladas porque só o português é reconhecido como língua nativa no país. E se levarmos em consideração que a série – por mais que nós queiramos fingir que não sabemos – é sim pensada para agradar as crianças, além dos mais velhos, sejam aqueles que cresceram assistindo à série clássica ou não. Todo mundo sabe que as crianças são responsáveis por uma parcela gigantesca do comércio e também influenciam as compras dos pais; não há como negar que a série gera muito dinheiro através de brinquedos, livros de colorir ou de atividades, jogos, etc.
    A dublagem parece estranha? Num primeiro momento sim. Mas quem diz que dublagem brasileira é ruim não sabe do que está falando! Nós temos um qualidade excelente! Talvez a Cultura pudesse disponibilizar legendas, além do áudio original. Mas isso só funciona através de sistemas como o da Net, por exemplo. Ou com aquela gambiarra de colocar o áudio original e assistir com o closed caption. É uma técnica beeeeeem ruim, mas tá valendo…
    A discussão, para mim, parece um pouco irrelevante, pois se a Log On pretende lançar dvds da série – e eu acho (por causa das datas anunciadas) que a primeira temporada pode ser lançada sim – poderemos escutar as vozes originais e ter lá a legenda.
    E mesmo que o resultado dessa pesquisa tenha sido este, a Cultura não vai voltar atrás. Eles poderiam criar um horário paralelo com a versão legendada, mas acho muuuuuito difícil. Não sei nem se vamos ter um horário de reprise…
    Pessoal, se conformem com a dublagem e aproveitem pra prestar mais atenção ao cenário! Haha =]

    Resposta
  • 26/02/2012 em 9:13 AM
    Permalink

    Bom, repetindo o que já disse tantas vezes:

    1) a voz faz parte integrante (para mim, indissociável) da atuação do ator, assim como o gestual, a expressão facial. Portanto, com a dublagem perdemos essa parte: ficamos com algo empobrecido.
    2) Sabe lenda urbana? Que a dublagem brasileira é a melhor do mundo é uma delas. Isso é repetido como uma verdade indiscutível, acabada, mas quem começou essa história? Como se chegou a essa conclusão? Alguém ficou comparando a dublagem francesa, alemã, russa, a dos USA, a do UK? E sabia todos esses idiomas para chegar a conclusão que a brasileira é melhor? Parece aquela história de que a mulher brasileira é a mais linda do mundo – ou seja, patriotada, ou coisa plantada pelo lobby das empresas de dublagem.
    3) Na dublagem perde-se a sutileza dos accents. Por exemplo, o do Doctor-Eccleston, do Norte. Por exemplo, o da Rose (de Londres), o da Amy (escocês). E quando se trata de um alemão falando inglês, na dublagem fica aquela coisa abominável (idem com francês, italiano, etc.).
    4) A dublagem foi imposta por décadas. Na verdade, as pessoas se acostumaram com essa merda. É como acontece com as pessoas que acham que a vida no Brasil é a melhor do mundo, enquanto, quem conhece a vida em países adiantados sabe que aqui cidadania, cidadão, são palavras ideologizadas.
    5) Para os brasileiros o contato com línguas estrangeiras só traz benefícios. Por exemplo, dá um up no inglês. Em um mundo globalizado, isso é um benefício.
    7) Porque outros países dublam filmes estrangeiros devemos imitá-los? A Holanda não dubla: é aquele país em que são aprendidos vários idiomas no ensino médio, e em que todos sabem mais que um idioma. Por que não imitar o melhor?

    Mas, no Brasil, onde nem o português se aprende, é melhor mesmo que permaneçam as dublagens. E se desejar que tenhamos condições de nos familiarizar com outros idiomas (para não ficar igual a um palerma quando, em outro país, alguém nos pergunta as horas), que possamos fruir da interpretação integral da atuação de um ator (a voz faz parte integrante), é elitismo, então não tenho mais nada a dizer… exceto que continuarei com os dvds importados.

    Resposta
    • 04/05/2012 em 7:18 PM
      Permalink

      é muito chato posar de palmatória do mundo…quanto ressentimento…

      Resposta
  • 26/02/2012 em 4:18 PM
    Permalink

    Eu acho que esse texto foi um pouco exagerado.

    Claro que ninguém vai morrer se a cultura exibir a serie dublada (o que é bom para conseguir novos fãs aqui no Brasil) porém qual o fã que não quer ouvir a voz original do seu personagem? a voz faz parte da atuação de qualquer ator! isso é muito importante!

    Como perder a voz do Christopher, David, Matt? por melhor que seja o dublador não é a mesma coisa.

    Não acho de jeito nenhum que assistir a serie legendada seja um ato elitista, é absurdo dizer isso…

    Lembro de filmes e outras series que eu assistir dublado e perdi piadas e grande parte da atuação dos atores…

    Enfim a cultura não é um dos mais populares canais, e quem quiser ver legendado tem a opção sap. pronto resolvido o problema. Mas acho que cada um tem a sua opinião e é necessário respeitar.

    Eu não me sinto nem um pouco envergonhada por querer assistir minha serie favorita em seu áudio original na tv. E Já fico feliz por ter produtos da serie chegando no Brasil…

    Agora vamos combinar quem quer ouvir as pessoas chamando o nosso Doctor de “doutor” ? é bizarro.

    Resposta
    • 04/05/2012 em 7:35 PM
      Permalink

      Ué…mas “doctor” em português (ou seja,traduzindo,que é o que a dublagem faz…) não é doutor?
      Engraçado (ou melhor “bizarro”) seria exigir que a dublagem mantivesse a pronúncia “doctor”…

      Resposta
  • 26/02/2012 em 10:50 PM
    Permalink

    Podia ser o dublador do Popeye que mesmo assim eu assistiria. Não nego que prefiro o áudio original e existem dublagens muito melhores que essa no Brasil (vejam qualquer filme da Disney), mas ainda assim, se quisermos perfeição temos que fazer séries boas em nossa língua nativa. Doctor Who é bom demais pra deixar pra lá por causa de dublagem.

    Resposta
    • 04/05/2012 em 7:39 PM
      Permalink

      Demais!!! Resumindo:falou tudo!
      acabou…

      Resposta
  • 27/02/2012 em 9:18 AM
    Permalink

    Tô super feliz que Doctor Who vai passar dublado! Já tentei fazer meu pai assistir comigo mas ele cansa de ler as legendas… e olha que ele é advogado! Só assim p/ os meus pais poderem assistir!
    Vou ficar feliz da vida só de poder comentar sobre Doctor Who com eles!

    ps.: A dublagem brasileira é boa sim, só precisamos torcer p/ que a série caia nas mãos de um bom estúdio.

    Resposta
  • 27/02/2012 em 9:32 AM
    Permalink

    Descordo totalmete! Deveria existir a opção de colocar legenda, para quem quizer ver dublado, assista assim. Quem quizer ver legendado, assista assim!
    E esse negócio de o Doutor teria vergonha de vocês… Sei… que coisa mais dramática! E uma mentira!!!

    Resposta
    • 04/05/2012 em 7:46 PM
      Permalink

      porque a discussão, se muita gente já assiste ou assistiu em dvd ou pc?
      Na maioria dos casos, os novatos é que vão assistir na Cultura..aí depois se quiser mais, vai atras das opções.

      Reitero: Pq a discussão?

      Resposta
  • 27/02/2012 em 5:38 PM
    Permalink

    Bom, a tal enquete perguntava o que eu preferia e é claro que votei então no áudio original. A graça de Doctor Who está exatamente naquele sotaque britânico lindo que têm os atores, e além do mais, a dublagem hoje em dia anda bem mal feita e chega a dar desanimo em assistir algo assim… Mas de forma alguma sou contra a dublagem, porque sei que isso será ótimo para popularizar a série por aqui. Assistirei de qualquer jeito porque, afinal, é Doctor Who! Claro que se pudesse escolher eu escolheria legendado como já estou acostumada a assistir…

    Enfim, achei o post beem exagerado porque pelo que vi grande parte do fandom está bem animado pela série finalmente passar aqui e, mesmo que um pouco desiludidos, estão aceitando na boa a dublagem…

    Resposta
  • 27/02/2012 em 10:05 PM
    Permalink

    A dublagem brasileira pode ser a melhor do mundo, mas nada se compara ao audio original (a não ser a “dublagem” da TARDIS). Isso é um fato. O Fantastic do Eccleston e o Fantástico do dublador, apesar de ter ficado parecido não é o mesmo. Da mesma forma que o Exterminate dos daleks e o “You will be upgraded” dos cybermen pode soar estranho pra nós que já assistiamos a série com audio original.

    Porém considerando:
    – TV aberta;
    – em um canal tem uma parte da programação voltada para publico infanto-juvenil já consodilada;
    – DW é um programa com potencial de atrair publico de todas as idades;
    – No Reino Unido DW passa por volta das 19h (eu acredito que deve ser por volta desse horário aqui também)

    Eles fizeram o correto, colocaram audio dublado e as opções de audio original e legenda.

    Porém eu não concordo com algumas colocações da autora:

    “Ora, o grande trunfo da série ser exibida no Brasil é tentar promover essa mesmíssima popularidade em terras tupiniquins. Nós, brasileiros, vivemos em um país com índices altíssimos de analfabetização, inclusive funcional.”

    – Nesse caso tem uma questão cultural forte, a Inglaterra tem uma cultura muito diferente daqui e a TV cultura não é um canal de massa, tem um publico bem seleto.

    – Se você olhar os posts das referências em outras séries, quem gosta de DW é o Sheldon, Leonard (TBBT), Hardison (Leverage), Fargo (Eureka), Abed (community). Nenhum deles podem ser considerados personagens que mostram essas caracteristicas esperadas no seu texto, muito pelo contrário, a maioria, se não todos (Não sei como considerar o Abed) são nerds, assim como muitos telespectadores de DW fora do Reino Unido.

    – A série é comumente classificada como ficção científica e não tem nada a ver com as populares novelas que fazem sucesso aqui, isso já torna um grupo seleto como citado acima.

    – Charles Dickens é desconhecido no Brasil do publico em geral e é um dos ícones ingleses, além de ser um personagem que vai passar batido por muitos (lembrando que ele aparece no S01E03)

    – O sucesso na TV brasileira está cada vez mais voltado pra baixaria e violência, basta ver os funks de sucesso, a diminuição da quantidade de roupa das dançarinas nos programas de auditório, o aumento do número de programas policiais, “os casos de família” e vários outros. DW é uma série inteligente, principalmente depois que o Moffat assumiu. Pra ser um grande sucesso no Brasil a Karen Gillan teria que aparecer de biquini em alguns episódios (pelo menos para atrair o publico masculino e algumas mulheres que adoram procurar defeito nas outras).

    “Até gente que SABE ler tem preguiça de assistir coisa com legenda”

    – Se fosse por isso eu seria a favor de legendado porque preza pela qualidade.

    “… na Inglaterra ela tem a mesma popularidade que Zorra Total. Podem reclamar, mas é verdade. É um programa absolutamente popular e voltado para todos os públicos e em língua nativa, …”

    – Não sei se foi intencional, mas afirmar que aqui o zorra total tem a mesma popularidade que DW na Inglaterra só comprova a diferença cultural. Eu teria vergonha de dizer pra um inglês que zorra total tem a mesma popularidade aqui que DW lá (e principalmente mostrar algumas cenas após dier isso).

    “Pedir para que a TV Cultura exiba a série com áudio original e legendada é nada mais do que uma atitude elitista”

    – Pra mim isso é prezar pela qualidade. Mas como já falei, tem que ser dublado mesmo pelo publico-alvo.

    – Atitude elitista por que? a minoria sabe ler? (não me parece que isso foi colocado por causa das crianças, e sim dos adultos que tem preguiça e ler ou não sabem ler). A minoria gosta de ler?
    – Por mim alguns filmes para maiores de 14 ou de 16 anos poderiam ser exibidos legendados na TV aberta como forma de incentivo a leitura.

    “Essa é a mesma TV Cultura que fez essa geração gostar de programas como O Mundo de Beakman, Doug, As Aventuras de TinTim e tantos outros clássicos. Tudo dublado. E eu não lembro de ninguém reclamar que o Beakman era menos cientista por estar sendo dublado – já vi gente inclusive dizendo que em inglês não tem a mesma graça”.

    – Doug e TinTim são desenhos, eu nunca vi desenho voltado pro publico infanto-juvenil legendado (acho que o unico desenho legendado que já vi na tv foi south park que não é pra esse publico). Nunca assisti o mundo de Beakman, mas acredito que tenha o mesmo publico. E eu assistia Doug no SBT.

    A série deve conseguir muitos fans, mas com a limitação do canal não estar entre os mais assistidos e as demais citadas no texto. Pode até ultrapassar em número absoluto de fans devido ao população brasileira ser numericamente maior que a do RU, mas em número relativo (%), vai ser muito inferior.

    Resposta
    • 28/02/2012 em 12:21 AM
      Permalink

      Muito interessante esse seu projeto de trabalho científico. 🙂

      Concordo, meio.

      Resposta
  • 28/02/2012 em 7:54 PM
    Permalink

    Minha mãe é analfabeta e eu não baixei e mostrei para ela justamente porque era legendado, e digamos que é bem dificil ler as falas de doctor who, entao essa dublagem vai ser ótima para popularizar uma série tão boa.

    Resposta
  • 01/03/2012 em 8:46 PM
    Permalink

    Oras, eu votei na opção de assistir com o áudio original por que é assim mesmo que eu preferiria ver a série. Concordo que realmente muitos preferem assistir dublado, mas qual é o problema de termos as duas opções? Poxa, tem gente que prefere uma dublagem, mas muitos gostam mais de assistir no original. E estes não necessariamente se encaixam no quesito “fã antigo”. Eu só comecei a ver DW ano passado; se eu não tivesse, não teria começado a assistir na TV Cultura mesmo se estivesse interessada justamente por preferir legendas.

    O meu problema com a dublagem é que ela anda sendo feita de um jeito muito desleixado. Vozes nada empolgantes e repetidas. Se fosse melhor eu estaria mais empolgada – só para esclarecer, eu me refiro à aquelas feitas com programas “live action”. Estranhamente, os desenhos sempre são bem dublados…

    Enfim, eu realmente não me oponho a DW vir aqui totalmente em português, porque realmente queremos (eu pelo menos quero) todos assistindo à série. Mas não custava nada MESMO dar as duas opções. Se estiverem com falta de legenders, eu tô disponível \o/

    Resposta
  • 10/03/2012 em 1:47 PM
    Permalink

    Alguém sabe que horas que vai passar? Eu olhei no guia da Net mas eu não achei ;_;

    Resposta
    • 10/03/2012 em 1:58 PM
      Permalink

      Ainda não foi divulgado =)

      Resposta
  • 15/03/2012 em 3:22 PM
    Permalink

    Que egoísmo querer ver Doctor Who no Brasil legendado, nós temos que aproveitar as vantagens de ter a série em canal aberto e isso inclui a dublagem, que querendo ou não facilita pra muita gente. Ainda mais por ser uma série difícil de acompanhar, por ter muitos detalhes e deixaria os novos expectadores confusos caso fosse legendado. Não vejo nada de negativo numa versão dublada, pelo contrário.

    Resposta
    • 17/03/2012 em 1:31 PM
      Permalink

      Eu não considero egoísmo, como eu e alguns outros já dissemos aqui, é que a dublagem tira um pouco da qualidade do audio e, dependendo da interpretação dos dubladores, pode diminuir muito a qualidade da série. Não é questão de elitismo, de egoísmo, de nada desse tipo, é querer assistir na TV do Brasil com qualidade, a dublagem é uma incognita. Muitos comentários que defendem legendado (se não todos)falam basicamente a mesma coisa: qualidade.

      Prefiro legendado porque eu desisti de rever Prison Break, 24 horas, lost e várias outras séries quando passaram na TV aberta por causa da dublagem. Também conheço algumas pessoas que tentaram assistir 24 horas quando passou na globo e dessistiram porque não gostaram (da 1ª temporada), na epoca eu gravei os primeiros episódios na fox (quando ainda priorizava episódios legendados) em VCR e emprestei a fita pra um deles. Resultado: a série que ele não gostou dublado, depois assistiu os mesmos episódios e se tornou uma das séries favoritas dele até hoje.

      Resposta
  • 17/03/2012 em 1:35 PM
    Permalink

    E essa questão de dublado/legendado só chegou a essas proporções por causa disso que retirei do post:
    “A grande maioria (mais de 470 votos) escolheu “Na TV, com áudio original“. Pouco mais de 30 votaram “Na TV, dublado“.”
    – Apenas 6% escolheram dublado em uma votação organizada pela Tv cultura e depois anunciam que vai ser transmitida dublado e não legendado.
    – Então por que a votação?
    Apesar de preferir legendado, eu concordo com a transmissão dublado por ser uma série para todas as idades e o público infantil pode ter dificuldade de ler as legendas. O motivo dessa votação deve ter sido pra saber se valeria a pena disponibilizar audio original e tecla sap. Eu não vi a votação, não votei, mas se esse foi mesmo o motivo, acredito que não deixaram claro que iriam transmitir dublado e queriam saber da possibilidade de disponibilizar a tecla sap e legendas e gerou toda essa discussão.

    Resposta
  • 20/03/2012 em 4:55 PM
    Permalink

    Sei que o artigo não é nada novo, mas retomo a questão por meio deste post devido à série, finalmente, ter estreado na Tv Cultura.

    Vai me desculpar, mas, com todo o respeito, achei vários argumentos desse artigo beirando ao ridículo.

    A Tv Cultura fez a enquete(inútil, pq 90% responderam q queriam legendado, e mesmo assim ela passou a série dublada, mas tudo bem) para os fãs opinarem sobre dublado ou legendado. Agora, se eu, como a grande maioria, votamos na opção legendada, somos ”etilistas”?

    Você citou o fato do Brasil ter muitos analfabetos. Vc acha que tais analfabetos assistirão a série pela Tv Cultura? Acha mesmo? Pq COM CERTEZA não o farão. Povo ignorante e analfabeto brasileiro assiste novela das 8 e demais porcarias, e não há nada para se fazer quanto à isso.

    Doctor Who não vai fazer nenhum grande sucesso no Brasil, sejamos realistas. Primeiro pq a primeira temporada já é ”àquela coisa” que assustará o pessoal q nunca viu a série, e segundo que ela é da Tv Cultura, menor canal da Tv aberta. Ela não vai bombar na audiência, nem nada do tipo, seja legendada ou dublada. Se o povo brasileiro, em sua grande massa, não vai assistir mesmo, pq querer ”abrasileirar” a série?

    E outra, bateram na tecla ali que Tv Cultura é aberta e por isso só vai passar dublado mesmo. Se esquecem que a Cultura tem grande histórico de passar documentários, filmes e outras produções LEGENDADO, mesmo em horário nobre. Pq com Doctor Who tem de ser diferente?

    E, sejam sinceros, as únicas pessoas realmente interessadas e que se propuseram à assistir a série ontem à noite foram os fãs, que viram os capítulos legendados e que, na sua maioria, foram contra a dublagem. A maior parcela de audiência que a série terá, se não quase toda, será por intermédio dos fãs, que preferem assistir legendado.

    DW não vai bombar, não vai fazer sucesso e não vai angariar zilhões de fãs no Brasil graças à exibição da Cultura. Repetindo, somente os fãs verão a série, e dublá-la foi um tremendo tiro no pé(eu, e muitos outros, por exemplo, não conseguimos assistir um bloco inteiro daquela dublagem).

    Resposta
    • 09/05/2012 em 2:18 AM
      Permalink

      Então, o senhor está a afirmar que a Tv Cultura é um lixo.

      Tinha que ser exibida em que canal?
      Na GLOBO?
      E devidamente legendado?
      Aí “bombaria”?

      Resposta
  • 21/03/2012 em 4:28 AM
    Permalink

    O cara quer ser elitista e não tem uma TV com tecla SAP?
    Agora na internet deveria ter 2 transmissões, uma dublada e outra legendada. Acho que não é difícil de se fazer isso.
    Tenho todos DVDs aqui, mas para meus filhos prefiro que seja dublado. As crianças até desligaram o game para assistir.
    Parabéns tv cultura.

    Resposta
  • 30/03/2012 em 4:39 PM
    Permalink

    Séries, filmes e afins são produzidos com interesse em LUCROS e não para agradar ninguém e fazer gostos de grupinhos de fãs hardcore que acham que o mundo deveriam girar em torno do umbigo deles.
    Se é para promover a série que assim seja, ou os extremos fanáticos esperam que todos se adaptem a lingua estrangeira pra não atrapalhar a originalidade.
    Concordo com você!!!
    E acho que mente pequena é um problema.

    Resposta
    • 04/05/2012 em 7:13 PM
      Permalink

      Concordo totalmente com vc Sophie e com todos os outros que já escreveram sobre esta “polêmica” desnecessária e fã hardcore e ataque hipster de ficar hororizado com a dublagem…é bem verdade que se DW fosse totalmente inédito e começasse já dublado quase ninguem ia reclamar e se concentrar no que REALMENTE INTERESSA que é a estória em si…nenhum argumento justifica estes “fricotes” em nome da “qualidade”: não gostou…não assiste, simples assim…e tenho dito!

      Resposta
  • 09/04/2012 em 12:16 PM
    Permalink

    Estou vendo a série pela primeira vez. Sou do Rio e tenho a TV Cultura na tv a cabo. Tomei conhecimento do Dr. Who por meio de um rapaz que era meu contato no Delicious. Todos os dias ele publicava links em inglês sobre a série e fazia comentários (às vezes em português) entusiasmados. Eu leio pouco inglês, e só nas minhas áreas de interesse, nunca entendi os artigos que ele postava. Eu só sabia que era uma série de ficção científica e que eu não tinha a menor idéia de onde passava e que, tirando o Delicious, em canto algum eu jamais ouvi falar. Vi o anúncio na tv cultura, provavelmente num intervalo do Beackmam. Tenho uma filha de 11 anos e grito ela toda hora pra ver o Beackmam comigo. Vi o anúncio da série e, na estréia, reuni a família em frente da tv. Pesquisando na net eu via gritaria por causa de dublagem e por causa dos episódios especiais, achei esse blog e outros, mas minha leitura tem que ser muito superficial porque não estou à procura de spoilers, e é difícil desviar deles no meio de tantos fãs antigos. Levei um susto ao encontrar tantos fãs antigos! E todos transpirando a mesma paixão que meu amiguinho do delicious. Sentei pra ver com grandes expectativas, que foram confirmadas. Nos primeiros episódios, minha filha de 11 anos sentava do meu lado com o notebook no colo, aberto num tumblr qualquer. Hoje ela já desliga o notebook (você leu isso mesmo. Assombroso, não?) e dá atenção exclusiva ao Doutor. Desculpem-me, é bizarro chamá-lo de Doutor? Meu inglês rudimentar é suficiente para rir todas as vezes que ele se apresenta quando alguém chama um médico. Expliquei à minha filha uma única vez que, bem, he is a doctor, e pronto, ela entendeu. Pode ser que eu perca muitos outros detalhes, mas se eu não sei o quanto eu deveria estar sofrendo, tudo bem, o que os ouvidos não escutam, o coração não sente (!). Falaram em sotaque duas vezes, e apesar de não ouvir as diferenças, registrei que elas estavam ali. No episódio em que o capitão Jack aparece pela primeira vez, Rose faz uma gracinha sobre a escolha adequada da camisa que fica muito mais engraçada se quem vê tem conhecimento histórico (e minha filha ainda não estudou aquele momento) e se você é mulher (e entende o dilema de escolher a roupa de manhã). Eu não expliquei pra Filhote (porque isso seria chato pra cacete), mas no mesmo episódio, Rose explicou, falou da estampa da camisa e da procedência dos aviões. Só depois de conhecer os blogs de fãs brasileiros eu soube que as crianças também são público-alvo da série. Saber disso fez minha admiração disparar.

    Dublado ou não dublado? Eu comecei vendo star trek dublado na tv aberta, nos anos 90, e quando vi na tv paga, legendado, foi um choque. Mas acostumei. O contrário aconteceu nos anos 00, quando comecei a ver House legendado, tive que tirar a tv a cabo e fui ver House dublado na record. choquei e não acostumei porque passava muito tarde. Hoje vejo os vários horários de reprise no Universal, numa ordem totalmente aleatória e, fazer o quê, vai assim mesmo. A dublagem facilita para minha filha, mas as legendas não a impedem de ver House. Para mim, depois de 2 horas num ônibus, não ter que obrigar minha vista míope e boa parte dos meus neurônios cansados a trabalharem não deixa de ser cômodo. A piada interna lá em casa, quando o trânsito colabora, mudou de “pegou a fenda espacial?” de Deep Space Nine, para “veio na Tardis”? Deveria haver opção de áudio e legenda, por supuesto, mas se eu (fã há 5 minutos e dando pitaco) já tivesse 10 anos de experiência, tendo visto oitocentas vezes cada episódio, eu não me interessaria em dar palpite sobre o que é melhor para os novatos. Na maioria das vezes, os palpites são desatrosos.

    Quando a TV Cultura chegar nos episódios atuais, aí eu volto aqui e leio o blog de cabo a rabo! Antes disso, eu preciso tomar extremo cuidado para não saber o que não devia sobre o futuro, um preceito básico de qualquer vaiajnte do tempo!

    Resposta
    • 04/05/2012 em 7:31 PM
      Permalink

      Disse tudo:pq quem é fã a séculos precisa dar palpite sobre como quem é novato deveria ver, já que os preciosos “antigos” (elitistas sim…no sentido de que se sentem donos da verdade…) não verão na TV Cultura msm, melhor que nem vejam, o choque pode ser fatal(aí que meda…)
      É isso que dá pedir opinião de fã hipster…
      Vou continuar “sofrendo muito” ao ver DW na Cultura e vendo outras temporadas no PC…

      Resposta
  • 09/04/2012 em 12:19 PM
    Permalink

    Opções de títulos para o comentário ?
    Como eu me apaixonei pela série dr. Who ou
    Comentário grande pra _|_

    foi mal, galera 😀

    Resposta
  • 09/05/2012 em 2:02 AM
    Permalink

    Eu sei que não vão por o meu comment, mas vai assim mesmo.

    *Gratidão…
    Estou muito grato por poder conhecer(melhor)o Doutor Who através da TV Cultura.
    Comecei a acompanhar desde a criação de Torchwood no episódio do lobisomem. Desde aí, nunca mais perdi um dia.

    (Um dia vou contar como foi o meu primeiro contato com o Doutor nos idos de 1970, lá no Fórum)

    **A Dublagem…
    Sobre a dublagem, prestigio-a, pois é um trabalho pouco reconhecido no Brasil. Uma arte que permite que meros mortais conheçam coisas novas e legais como esta série.

    ***Legendas…
    Já trabalhei com legendagem de filmes de longa duração. Há falas que, transformadas em letras-mesmo adaptando, ficam enormes e de pouca duração na tela dependendo da língua e da “freneticidade” da pronúncia.
    Isso é ruim quando não se tem a opção de voltar ou pausar a cena.

    ****Prática e agilidade em ler…
    “Ler” é uma capacidade que resta em poucas pessoas ainda.
    Pega a molecada aí e manda ler a manchete de um jornal:

    “O-GOoo Goverrr Gover- nO
    preee pre te nde…”

    Cada vez mais, o número de analfabetos funcionais tende a aumentar.
    Estes não merecem conhecer o Doctor Who? Viajar na TARDIS, encontrar inimigos, viver em um tempo diferente…

    *****A Tv Cultura…
    É um canal aberto, não no sentido de como o seu sinal é emitido, mas aberto no sentido de que cada programa é tratado para o povo mesmo.
    Há o povo “cabeça”, o povo infantil, povo cinéfilo, adulto, e os simplices.
    Doctor Who (no Brasil) é para o público juvenil pra cima, e quem são estes na realidade brasileira?
    Ou será que ser Whovian é privilégio para poucos?

    O meu voto vai para:
    [X] SIM, DUBLADO

    Resposta
  • 09/05/2012 em 11:38 AM
    Permalink

    É dublado mas ele ainda fala allons-y normalmente, o que é bem reconfortante.

    Resposta
  • 16/05/2012 em 7:08 PM
    Permalink

    A dublagem brasileira é perfeita, eu gosto da dublagem como é na Tv Cultura é bem próxima as vozes, e vcs tem que lembrar uma coisa! A dublagem aqui ou em qualquer outro país é uma adaptação para a nossa língua e cultura! muitas piadas do exterior não tem a mesma graça aqui. Vcs podem falar que sabem a graça e tal, mas não é a mesma coisa, a dublagem é uma arte, é um trabalho extremamente complexo, e acho que agente deveria dar um pouco mais de valor pela arte da nossa cultura que muita gente não conhece e diz que não gosta, quando éramos crianças como nós entendiamos o que os cara lá do filme estavam falando? em inglês que não era, então a gente pode no mínimo respeitar o trabalho deles, que é duro, e perfeito. Algumas dublagens não são muito boas realmente, mas quantas? todas? não, são poucas pq praticamente todas são perfeitas, como muitos trabalhos do dublador Clécio Souto e Felipe Grinnan. Fica aí meu testo á favor da dublagem!

    Resposta
  • 28/05/2012 em 10:17 AM
    Permalink

    Gente eu acho que isso é tolisse , Eu ameeei quem dublou bem melhor !!! Ingles é sem graça falando bla bla bla e ninguem intende como fala rapido as legendas passam rapidos ! Penssa né

    Resposta
  • 30/05/2012 em 1:53 AM
    Permalink

    Olá
    Tive o privilégio de ser escolhido pela BBC para dar voz ao novo Dr. Who. Concordo com quem exige dublagem de qualidade, mas não se esqueçam que a legenda também tem que ser de qualidade. Ninguém comenta que a informação passada pela dublagem é mais completa que a da legenda que tem um tempo de exposição limitado e chega a diminuir o texto em ao menos 30% para caber na tela. Sem contar que um filme, quando é planejado, procura conduzir o olhar do espectador com focos específicos em cada cena, esses focos e o olhar que o diretor pensou para o público se perde com ima legenda que puxa o foco para baixo, diz 30% menos, ocupa 25% da tela e também sofre com a qualidade. Para ser Dublador no Brasil, é preciso ser ator profissional, com registro na Delegacia Regional do Trabalho. Infelizmente a Dublagem é um trabalho anônimo, mas eu já estou a 20 anos nessa profissão e sou formado pela Escola de Arte Dramática da USP, a mesma escola que formou Caco Ciocler, Matheus Nachtergaele, Dan Stulbach, Emílio Orciolo Neto, Luiz Maravilha e tantos outros. A diferença é que vocês não nos vêem, apenas nos ouvem e por incrível que pareça, a boa dublagem não se nota, a Dublagem só é notada quando tem problemas. Prefiro que , ao assistirem a quinta temporada do Dr. Who vocês digam “Que Série legal!” e não “De Quem é essa voz?”!

    Resposta
    • 24/04/2013 em 4:41 PM
      Permalink

      Silvio Giraldi, a bbc passou um video com varias dublagem de DW pelo mundo, e teve um ingles que perguntou como Matt Smith comseguiu falar portugues com sotaque britanico….Você pegou exatemente o jeito de falar dele…parabéns.

      Resposta
  • 01/06/2012 em 4:15 AM
    Permalink

    Silvio Giraldi, que prazer ler vc, pois já te ouvi. Qual dos Doctors vc dublou? Qualquer um dos dois, a dublagem foi excelente, como uma grande fã de Doctor Who, achei ótima, parabéns, de verdade a todos os dubladores que atuaram na série.


    não se esqueçam que a legenda também tem que ser de qualidade. Ninguém comenta que a informação passada pela dublagem é mais completa que a da legenda que tem um tempo de exposição limitado e chega a diminuir o texto em ao menos 30% para caber na tela. Sem contar que um filme, quando é planejado, procura conduzir o olhar do espectador com focos específicos em cada cena, esses focos e o olhar que o diretor pensou para o público se perde com ima legenda que puxa o foco para baixo, diz 30% menos, ocupa 25% da tela e também sofre com a qualidade.”
    Concordo inteiramente, os fanáticos por ler legendas esquecem que assistir filmes e séries é uma experiencia audio-visual e que toda uma elaboração artística é feita em torno do que se vê: cores, vestuário, enquadramentos, etc. e mto se perde enqto se lê as legendas.

    Gosto de ouvir filmes e séries no original, mas tb gosto de relaxar e ouvir a dublagem e me deixar levar pelo que assisto, simplesmente.

    Fora que, apesar de agradecer aos legendadores anônimos das séries, canso de ler verdadeiras barbaridades, erros crassos nas legendas que mudam totalmente o sentido da cena.
    Mas o povo acha que pq é legendado, tá ótimo.
    Doctor Who mesmo, tem legendas bem ruins.
    Foi um prazer ouvir Doctor Who dublado, foi uma outra experiencia e agradeço a vocês dubladores por ela.
    Continuem o ótimo trabalho.

    Abraço.

    Resposta
    • 24/06/2012 em 6:08 PM
      Permalink

      Respondendo: o Silvio Giraldi dubla o 11° Doutor. Ele já tinha feito participações na série,mas, é a primeira vez que pega o protagonista. Outras duas vozes também conhecidas foram das duas acompanhantes antes da Amy: A Donna Noble foi dublada pela Cecília Lemes, mais conhecida por dublar a Chiquinha do “Chaves” e a Martha Jones foi dublada pela Tati Keplermaier, conhecida por dublar a May em “Pokémon” e a Sakura Haruno no “Naruto”.

      Resposta
  • 21/06/2012 em 9:34 PM
    Permalink

    Bom, meu irmão mais novo não consegue ler as legendas rápido o suficiente, então a versão dublada é ótima por causa disso, por incluir uma faixa maior da população. Ele está adorando a série e vem me contar empolgadíssimo sobre os episódios.

    Resposta
  • 05/07/2012 em 9:30 PM
    Permalink

    Eu comecei a ver doctor who pela TV cultura dublado e defendo isso porque eu não teria conhecido de outro modo, e espero q muito mais gente se interesse por progamas assim uma vez q é mais acessivel em dublado. Eu sou fã de várias séries e animes e sei como o legendado tem sua magia! mas reconheço tambem q sem o dublado muita gente passava reto de canal e não conheceria o nosso amado timelord, aprecio muito o trabalho da tv cultura e agradeço ela ter apresentado a mim e outros brasileiros menos mente aberta um mundo tão bacana como esse. Bom, Adoro psicologia e por algum motivo eu tenho muita fé q a popularização de progamas assim ajudam as pessoas aos poucos largarem a preguiça e os velhos hábitos de aceitar tudo o q vem de nao questionar nunca, não estou falando de perguntarem “será q aquela estatua é um anjo lamentador?” estou falando de ter esse espirito de perguntar investigar questionar como “Por que será q não inventam mais nada? ” digo, se as pessoas vessem como estao cegas veriam q estamos lonfge de ter riado muita coisa de ter descoberto tudo meus tios vivem dizendo “imagina, se algo tivesse q ser criado ou descoberto ja teria sido. é gente importante q faz iso nao pessoas como nos”

    Resposta
  • 10/07/2012 em 1:54 PM
    Permalink

    Conheci Doctor Who pela TV Cultura e achei ótimo ser dublado. Nosso pais é tão carente de bons programas que é dever dos intelectuais torná-los acessíveis.

    Resposta
  • 15/07/2012 em 7:24 PM
    Permalink

    não sei pq vocês ficam aki postando comentarios sobre “como é ruim a dublagem”, “preferia legendado”. Vocês deveriam ficar felizes que pelo menos a serie ta passando em Tv aberta. Vocês deveriam parar de ficar criticando e aproveitar esse fato pra conseguirem mais whovians.

    Resposta
  • 12/09/2012 em 2:40 PM
    Permalink

    Quem quer ler pega um livro e não um filme!!!!!!!!!!!!!

    Resposta
  • 29/09/2012 em 5:49 PM
    Permalink

    olha gente eu estou adorando esse seriado mais só assim dublado,pois se vocês ai da TV CULTURA estiverem pretendendo colocar o seriado d.docto who no original não vai ser a mesma coisa,pois eu prefiro dublado.por isso TV CULTURA é que eu quero que vocês ai voltem logo e o maisrapido possivel pra que eu possa cont:acompanhando o doctorwho,entendeu.

    Resposta
  • 11/10/2012 em 8:46 PM
    Permalink

    Olha galera que não gosto da dublagem, sinceramente se vocês tem inglês fluente assiste em inglês, mais se vocês são apenas um bando de paga pau de gringo e quer ficar lendo legenda, então le a po**a do livro ou infia o dedo no OUVIDO (se é q vocês me entendem) e roda porque a dublagem brasileira é ótima. Seus Hipocritas, vai assisti drgon ball em japones então já que não gosta de dublagem, prefere o goku com a voz da BARBIE bando de paga pau baitola.

    By VINOS(JBS)

    Resposta
  • 31/10/2012 em 12:28 AM
    Permalink

    Quanta besteira, em primeiro lugar, as pessoas que dizem que a dublagem é ruim, que não vai fazer sucesso, pobres coitados, sei falar inglês, não tenho problemas com legenda, mas só fiquei sabendo da existência de doctor.who graças a rede cultura, e não me entenda mal, não assisto bbb, odeio futebol, carnaval, novelas e tudo aquilo que os brasileiros comuns tem coragem de dizer que é seu orgulho, só assisto séries e animes legendados no pc, não tenho tv, escrevo livros, faço animações e sou viciado em história, química, física e biologia, sou nerd. Mas acima de todo vivo no mundo dos vivos, ou seja, não fico só trancado no quarto assistindo e jogando, e notei que os adolescentes e crianças e muitos adultos param o que estão fazendo para assistir o doctor, já vi até em bares os bêbados assistindo, da pra acreditar, também descobri que malhação e a novela das seis comem poeira da rede cultura quando essa começa a passar o doctor who.
    Mas por que isso é importante? Encarem os fatos amigos, os adultos e pessoas mais velhas já tem uma formação e não querem aprender nada novo, mas uma criança igual eu fui à época que a rede cultura comandava a televisão brasileira, pode se tornar mais inteligente, muito dos meus gostos e talentos foram aflorados por chamas de curiosidades trazidas por esse canal, a criança de hoje será o adolescente e adulto de amanha, e poderão ser mais inteligentes e cultos, fazer escolhas melhores que nós e nem nossos país fizeram, elas tem um mundo onde há suporto para o conhecimento, mas muitas vezes não acessam porque nenhuma chama de curiosidade foi acesa nelas

    Resposta
    • 01/11/2012 em 11:25 PM
      Permalink

      Eu não tenho nada contra a dublagem de DW, porém já assisti muitos filmes que não consegui entender várias falas por conta da dublagem (não sei se culpa do dublador ou da “equipe de som” responsável pela dublagem). Nos episódios que assisti na TV cultura não teve esse problema. Mas apesar da dublagem brasileira ser boa, não passa a mesma emoção, o mesmo sentimento da interpretação (de voz) original, pelo menos pra quem assistiu primeiro em inglês (pra mim o “Fantastic” do Eccleston (9º Doutor) não tem comparação). Independente da série/filme, sempre preferi assistir no audio original, seja ele em inglês, italiano, francês, russo, o que for porque além de ver (nesse caso ouvir) a interpretação original, eu acreito que seja uma garantia da melhor qualidade de audio possivel (hoje em dia com o audio digital provavelmente não deve ter tanta diferença quanto antigamente).

      Agora imagine que a globo faz a seguinte pesquisa: Vocês querem mais um BBB? E a maioria esmagadora diz que não e mesmo assim, sem mais nem menos ela faz um novo BBB. Foi algo semelhante com a dublagem. Como já falei em comentários anteriores, o legendado ganhou. Eu concordo com o que muitos dizem que deve ser dublado para o publico infantil, mas essa pesquisa, assim como a pesquisa ficticia sobre o BBB do meu exemplo não serviu de nada se “o que perdeu acabou ganhando”. Pra mim essa pesquisa foi para saber sobre disponibilizar a função das teclas sap para audio original e closed caption para legenda, porém em nenhum momento eu ouvi dizer isso claramente, não vi a enquete, mas creio que não deixou isso claro. Esse foi o grande problema.

      PS.: Desenho, pra mim é uma questão diferente porque dá muito mais liberdade pro dublador, aliás, só tem dublador, não tem ator. E creio que é baseado nos desenhos que dizem que os dubladores brasileiros são os melhores do mundo. Nesse ponto eu concordo, por não ter ator. Mas um ator, com sua voz, é muito dificil ser superado por um dublador em seu proprio personagem.

      Resposta
  • 03/11/2012 em 7:33 PM
    Permalink

    Porque você tem horror a dublagem, eu prefiro dublado, é a melhor e falando da série a dublagem está otima e não podemoms falar que está ruim, pois assim desmotivamos de vim novos filmes dublados. é sssim que vocês querem seus ingradotos….

    Resposta
  • 22/02/2013 em 8:02 AM
    Permalink

    eu e meu irmão gostamos muito de doctor who eu gosto da 7 temporada e meu irmão gosta da 6 teporada

    Resposta
  • 25/01/2014 em 10:32 AM
    Permalink

    esta munto complicado. sera que alguém pode mi dizer onde eu compro a serie Doctor who DUBLADO TODAS AS TEMPORADA NÃO ME IMPORTO O QUANTO VAI CUSTAR SÓ QUE TUDO DUBLADO. POR FAVOR ALGUÉM ME AJUDE

    Resposta
  • 17/02/2014 em 6:00 AM
    Permalink

    eu tenho a 2* e a 5* temporada dubladas

    Resposta
  • 17/07/2014 em 1:47 PM
    Permalink

    Vou assistir legendado, por que mesmo gostando muito da versão dublada (eu acho realmente ótima) eu quero a versão em inglês com legenda (já que nunca assisti).
    Ótimo post!

    Resposta
  • 09/12/2014 em 11:23 AM
    Permalink

    Eu concordo com muita gente que diz que perde a qualidade, se estiver dublado, mais um fato que me chamou a atenção foi que depois de ter assistido todos os capítulos legendados, e depois comecei a assistir dublado, no começo fiquei com receio das vozes e tal, mais depois fui me acostumando, mais o fato é que muitas situações nos episódios tinha acontecido no qual eu tinha perdido por estar lendo a legenda; Quando está sendo dublado, você consegue analisar totalmente cada conteúdo dos episódios e com isso passa a gostar mais de assistir

    Resposta
  • 09/12/2014 em 11:29 AM
    Permalink

    eu acho que eles deviam disponibilizar os dois áudios, quem quiser é só escolher na tecla sap

    Resposta
  • 07/09/2017 em 9:38 PM
    Permalink

    DOCTOR WHO DUBLADO SIM !!!! A DUBLAGEM DE DOCTOR WHO É MAGNIFICA !!! e sem querer ferir os sentimentos dos chatos, mas as vozes originais do 10° doutor e 11°, são totalmente sem graça ! E AINDA VCS FALAM QUE DUBLAGEM ESTRAGA A ATUAÇÃO ? DUBLAGEM EM DOCTOR WHO MELHOROU AINDA MAIS !!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*