O Doutor proibido de John Hurt numa HQ?

Como todo mundo já tá careca de saber (bem, pelo menos deveria ser todo mundo, tendo em vista que esse episódio já tem 3 meses que rolou) a árvore regenerativa do Doutor ganhou um novo galho que não se sabe direito onde fica, mas a que tudo indica é algo entre o 8º e o 9º . O que sabemos até agora é que foi esse o que renegou o nome de Doutor, o que traiu o movimento a promessa, e que aparentemente deve ter feito altas atrocidades na Guerra do Tempo, porque todas as outras versões do Senhor-do-tempo simplesmente renegam esse “Doutor Proibido”.

Desde a revelação desse novo Doutor/não-Doutor, a internet está em polvorosa bolando teorias e tudo mais. “É o Valleyard!”, “É o 8º Doutor velho” e por aí vai…

O legal desse tempo de criação de teorias é que a série vai dando as espetadas dela no público pra ele ficar mais agitado…e os quadrinhos não ficam de fora!

O roteirista Paul Cornell – criador do livro Human Nature, que mais tarde se transformou no episódio duplo Human Nature/The Family of Blood (2007), além de responsável pelo arco non-canon The Scream of the Shalka (2002, onde uma versão alternativa do 9º Doutor era o principal) embarcou em um novo projeto, chamado “The Girl who loved Doctor Who”.

Em declaração em seu site, Cornell disse que essa vai ser a contribuição dele para o ano de comemoração aos 50 anos da série, que segundo ele mesmo, é a razão pela qual ele começou a escrever.Não se sabe muito da história ainda, a única coisa que sabemos é que ela vai se passar no nosso mundo, e quando digo nosso é no nosso mesmo, no mundo não-ficcional. Sabemos também que ela vai ter por volta de 40 páginas, e que será desenhada por Jimmy Broxton.

“Essa é a minha celebração de aniversário da série que foi o fio condutor da minha carreira, a razão pela qual eu comecei a escrever, a razão pela qual eu cheguei onde eu estou. Eu me toquei há uns meses que eu ainda tinha uma história de Doctor Who para contar, e essa é a minha despedida do 11º Doutor, que vai ser lançada justamente quando ele nos deixar, na semana do natal. É a história sobre o Doutor aterrizando no nosso mundo, o mundo real, encontrando a ele mesmo sendo somente um personagem de ficção, e encontrando, bem, muitas coisas, mas a mais notável delas Matt Smith.”

Cornell também liberou a capa e as duas primeiras páginas desse novo trabalho (só pra deixar a gente com mais água na boca).

Em uma delas podemos ver o 11º Doutor olhando para um painel com uma imagem ala Andy Warhol, onde entre seu 8º e 9º rosto tem apenas uma silhueta…

Mas e aí, teorias? Cérebros no teto?
Conta pra gente aqui embaixo nos comentários!
Ah! E vale lembrar que amanhã vai faltar oficialmente 3 meses para o especial de 50 anos! \o/

Freddy Pavão

Freddy Pavão é publicitário, nerd, gamer, podcaster e entusiasta da série clássica. Começou a ver Doctor Who em 2008. Doutor favorito: 7º. Companion favorita: Ace. Vilão favorito: Valeyard!

5 comentários em “O Doutor proibido de John Hurt numa HQ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*