DWBRcast 20 – Companions! Quem queremos de volta, quem não devia ter nem entrado e quem devia ter sido!

dest-DWBRcast20-companionsBom dia/boa tarde/boa noite, você que também mandou seu currículo pro RH da TARDIS!

No DWBRcast de hoje, o primeiro de 2015, Freddy e Thais, o casal Doctor Who Brasil, se juntam com Gabi e Roberto, o casal Who’s Geek para bater um papo sobre os companions de Doctor Who!
Quem é o favorito de cada um? Quem é a menos favorito de cada um? Que personagem de suporte deveria ter virado companion? O que Sherlock, Hermione, Capitã Marvel e Alf tem em comum? A respostas pra todas essas e outras perguntas estão a um play de distância!

Links comentados no podcast

Nos siga pela internerds

Trilha sonora desse podcast

Assine nosso feed!

Duração: 110 minutos
Tamanho: 101 mb
Download da .mp3

E não deixe de mandar seus comentários, dúvidas, elogios e sugestões de tema para podcast@doctorwhobrasil.com.br

Até semana que vem! 😀

Freddy Pavão

Freddy Pavão é publicitário, nerd, gamer, podcaster e entusiasta da série clássica. Começou a ver Doctor Who em 2008. Doutor favorito: 7º. Companion favorita: Ace. Vilão favorito: Valeyard!

19 comentários em “DWBRcast 20 – Companions! Quem queremos de volta, quem não devia ter nem entrado e quem devia ter sido!

  • 25/01/2015 em 11:13 PM
    Permalink

    A Martha é a companion que eu menos gosto, mas além do fato dela vir depois da Rose é o fato dela já se “apaixonar” pelo Tenth e a impressão que passa é sempre a mesma cara dela sofrendo por ele e esperando que ele corresponda os sentimentos sendo que ele ainda está sofrendo pela Rose e isso é o que mais me irrita. Já a Rose, a Donna e a Amy são incríveis, mas depois que os Ponds se despediram do Doctor eu não assisto mais a série com a vontade de antes, e como ainda estou na sétima temporada só assisto pelo Eleventh.

    Resposta
  • 25/01/2015 em 11:49 PM
    Permalink

    Gente vocês citaram como Clara virou professora tem que lembrar que existem vários ecos dela e é possível que o Doutor tem encontrado outro. Só uma suposição é claro 🙂

    Resposta
  • 26/01/2015 em 12:43 AM
    Permalink

    Esse negócio da Clara ter visto outros Doctors de novo? Não tem dessa de que todas companions aceitaram numa boa. Rose se negou a aceitar que o 10th era o Doctor, pediu pra mudar e ainda falou que ele tinha abandonado ela. Ela passou o episódio inteiro se lamentando! foi totalmente infantil quanto a mudança. Aí quando ela voltou em Stolen Earth/Journey’s End ela se desesperou OUTRA VEZ quando o Doctor começou a se regenerar. Clara foi literalmente abandonada… duas vezes! a reação dela foi super racional. Sem falar que, mesmo ela tendo acompanhado os eventos do especial de 50 anos, o 11th ainda era o Doctor dela. O próprio especial é um argumento pra reação dela, tanto que quando o 11th vai apertar o Moment ela faz aquele discurso sobre nunca imaginar ELE fazendo. Vê os outros Doctors é uma coisa, viver com eles é outra, e ela só viveu com o 11th que tinha um jeito de lidar com as coisas muito mais passivo que o 12th. É tão estranho ouvir falar que a Clara não funciona com o 12th quando que o 11th ela era apenas um plot device sem desenvolvimento. A maior reclamação da 7ª temporada foi a falta de profundidade da Clara e mesmo com a quimica dela com o Smith, a coisa toda era escrita como se o 11th não desse a mínima pra ela. Em fato, a Clara foi pro 11th o que a Martha foi pro 10th. Uma substituída que tava ali só pra preencher um buraco maior que elas. Agora, a interação entre Clara e 12th já é super simpática, mesmo que tóxica. O jeito que eles se desafiam e se competem por controle só dão a ganhar aos personagens. E Dá pra ver que ele se importa com ela e ela se importa com ele, e não é um tapa que muda isso (francamente, ela socava o 11th e ninguém dava a miníma). A relação deles foi o que sustentou a s8 e levando em conta o quão boa essa temporada foi, isso é algo.

    Resposta
    • 27/07/2015 em 1:11 AM
      Permalink

      Falou TUUUDOOO! Sinceramente, tô cansada dessas críticas fúteis e sem sentido com relação a Clara, nada do que ela faz tá bom vsf

      Resposta
  • 26/01/2015 em 12:53 AM
    Permalink

    Por favor, o 12 é o Doutor da Clara, não o 11. Inclusive a interação da Jenna com o Capaldi foi o maior motivo de elogio entre as críticas. Não é atoa que o próprio Capaldi diz que a Clara é a companion preferida dele, junto com a Susan e Sarah Jane.

    Resposta
  • 26/01/2015 em 9:46 PM
    Permalink

    Companions geniais: Sarah Jane, Donna, Jo, Jamie, Ace, Leela, Ian e Barbara (além do Brigadeiro Lethbridge-Stewart, que não é considerado companion, mas é genial)
    Companions muito bons: Susan, Zoe, Liz Shaw, Romanas, Tegan, Rose, Clara (na sétima temporada ela é terrível, na oitava ela é genial)
    Companions legais: Vicky, Steven, Dodo, Nyssa, Peri, Martha, Rory
    Companions chatos: Ben, Victoria
    Companions muito ruins: Polly, Adric, Mel, Amy

    Vocês falarem que a Clara na setima é boa e na oitava ruim é o fim, na sétima ela não era uma personagem, ela existia para a história andar, na oitava ela virou uma personagem ótima, ela viu a mudança de um Doutor fofinho, legal e amigável, para um velho escocês ranzinza, e a Clara sentiu isso, ela funciona perfeitamente com o Capaldi, eu juro que não entendi por que quando um personagem não aceita as ordens do Doutor como um cachorrinho, ninguém gosta.

    Outra coisa, dizer que não tem um episódio bom, que é bom pra ser assistido de novo na oitava, caramba, tem Deep Breath, Into the Dalek, Listen (uns dos melhores episódios da nova série), Time Heist, Mummy on the Orient Express, Flatline e um ótimo finale, nenhum desses é bom? Claro que são, uma temporada que não merece ser vistas de novo é a sétima, tirando Asylum of the Daleks, The Snowmen, Hide e The Name of the Doctor, o resto é de mais ou menos para muito ruim.

    Resposta
    • 27/01/2015 em 12:48 AM
      Permalink

      Lembrando aí que “não achar nenhum episódio da outava temporada bom” é opinião de apenas UM dos participantes do podcast. Se você chegou a acompanhar o DWBRcast ao longo da 8ª temporada, pôde ouvir eu mesmo falando que a 8ª temporada estava sendo a melhor em disparado na minha opinião.

      Sobre a Clara, tudo questão de opinião. O fandom está mais dividido do que nunca no quesito “ela é uma boa/má personagem”. A dica legal é respeitar a opinião dos outros, afinal, eu que sou eu (que não gosta da Clara da 8ª temporada) fiz questão de tirar um tempo no podcast pra falar o que eu vejo de positivo na personagem…

      Resposta
      • 27/01/2015 em 6:22 PM
        Permalink

        Freddy, um momento do podcast foi dito que a “qualidade” da personagem pode depender tanto do ator quando da direção (além da própria história), como no caso da Martha e isso acabou prejudicando a impressão que temos da personagem. Talvez isso se aplique também ao caso da Clara. Tem momentos que ela está a vontade no papel, mas tem horas que soa meio forçado. Não será isso o dedo do diretor? Ou talvez seja apenas o Moffat provando que não consegue desenvolver personagens femininas que não sejam girl-over-power.

        Resposta
  • 27/01/2015 em 3:05 PM
    Permalink

    Olha, na série clássica nem todo personagem saía da série numa boa: Katarina e Sarah kingodn morrem, além do Adric, a Dodo sai sem despedida, parece funeral de quinta categoria…. e a personagem não era ruim….
    Minhas companions favoritas são: Dona (na série nova) e Sarah Jane (classica).
    O pior companion ever: Adam!!!! Vocês esqueceram dele?

    Resposta
    • 27/01/2015 em 6:27 PM
      Permalink

      Adam não conta, foram só dois episódios. Capitão Jack apareceu bem mais e alguns nem consideram ele um companion.

      Resposta
    • 28/01/2015 em 12:23 AM
      Permalink

      É, tem isso do Adam só ter durado um episódio. Mas eu nem colocaria ele na lista de pior não. Dá uma procurada em Prisoners of Time e cê vai entender o porque 🙂

      Resposta
      • 28/01/2015 em 9:06 AM
        Permalink

        Sim, já li e mesmo assim, ele foi mesquinho e ressentido, o “gênio” em busca de vingança. Mas no final teve uma redenção patética, após descobrir-se manipulado o tempo todo pelo Master. Nem para ter uma vingança ele anda sem “rodinhas”????
        “Prisioners in Time” não livra a cara dele….

        Resposta
  • 27/01/2015 em 7:11 PM
    Permalink

    Minha companion preferida é a Rose, porque ela ama ser a companion, ela é obstinada e apaixonada, ela se sacrifica, é uma heroína que não chega a ser nem melosa demais, nem forçada demais. Se repararem bem, o 10º Doutor é daquele jeito por causa dela, não sei se foi um desejo inconsciente durante a regeneração ou se a energia da TARDIS naquele beijo do 9º tinha mais alguma coisa. Acho que o que eu gosto dela é que ela “consertou” a alma do Doutor, bem no estilo A Bela e a Fera.
    A companion que eu menos gosto é… até agora, a Martha. Não porque a personagem é ruim, mas erraram tantas coisas com ela que eu não consigo gostar dela. A atriz parece que nasceu com “cara de nojinho”, porque a cada 5 minutos ela fazia essa cara. Colocaram ela logo depois da saída da Rose e ficou uma forçação de barra. Sem falar a família dela que parece família de ala pobre de novela da Globo. Tudo que tinha de bom na 3ª temporada seria melhor se fosse com outra companion (poderia até ser a Martha, mas se fosse outra atriz…).
    Não tenho knowhow suficiente para opinar sobre a “série clássica”, mas concordo que o Jaimie foi o companion definitivo do 2º, a Victoria era qualquer nota, a Jo era chatinha e acho a Vicky mais legal que a Susan.
    E vocês nem falaram da Leela…

    Resposta
  • 30/01/2015 em 10:08 PM
    Permalink

    Acompanho vocês já há algum tempo, porém nunca me manifestei. Apenas gostaria de agradecer pelo ótimo trabalho que têm feito com os podcasts e o site, vocês são super divertidos e bem informados, inclusive têm me animado a assistir a série clássica. Apesar de eu não concordar com várias opiniões expressas, tudo é colocado de uma maneira muito respeitosa, e nem tem como ficar com raiva de vocês.
    Além disso, quero destacar, sobre o último podcast, a música da Marina and the Diamonds ao fundo, que eu amo e achei legal saber que alguém de vocês também curte.
    Parabéns e continuem assim.

    Resposta
  • 12/02/2015 em 3:59 AM
    Permalink

    Jogo rápido galera, parabéns pelo podcast.
    Companion preferida: Donna
    “Menos preferida”: Marta
    Personagem que eu gostaria que se tornasse companion: Craig Owens! Melhor coadjuvante ever!
    Um abraço!

    Resposta
  • 24/02/2015 em 11:35 PM
    Permalink

    Acho que fui a única pessoa desse planeta que não gostou da Donna e amou Amy/Rory hahaha Infelizmente, faço parte da porcentagem em cima do muro sobre a Clara.

    Resposta
    • 01/12/2015 em 6:50 PM
      Permalink

      tbm nao curti tanto a donna e gostei mto da amy+rory

      Resposta
  • Pingback: O que queremos na nova companion de Doctor Who? - Doctor Who Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*